14/10/2012

O que é amor, sempre vai ser amor

Não te culpo por eu ter mudado tanto . De verdade, a culpa não foi sua. A culpa foi minha que depositei todas as minhas fichas em você, confiei em você mais do que tudo, te amei mais que a mim. E depois me decepcionar, acho que até foi bem feito pra mim. Não se deve confiar tanto em uma pessoa da forma que eu confiei em você! Não faz bem, sabe o por que? Porque depois a gente quebra a cara, se decepciona com o que foi o mais importante pra você, com quem foi a sua vida. E talvez ainda seja, mesmo que eu tenha mudado tanto. Faço questão de demonstrar pra todos o quanto eu estou bem, o quanto você é página virada na minha vida. A verdade é que eu estou fria com tudo e com todos, mais independente mas quando tocam no teu nome. Ah, quando o teu nome ecoa nos meus ouvidos eu me estremeço toda, meu coração acelera. Talvez eu não tenha mudado tanto em relação a você. A verdade é que depois desses bons anos eu ainda tenho alguma coisa guardada aqui pra você. E agora sim a culpa é tua. Quem mandou você me encantar com esse jeitinho de menino mau? Com esse jeito de que não queria nada e de repente chega conquistando meu coração? Quem mandou você ser tão perfeito e me tratar como uma princesa no começo? Mas agora teve um fim, e mesmo que eu tenha dito milhares de vezes que eu não me importava, eu me importo sim, me importo a cada dia.A cada minuto desses longos dias sem você eu não consigo parar de pensar em você. E a culpa é tua que me conquistou e me encantou com esse jeito de moço mau. E por mais que eu tenha mudado, por mais que eu queira demonstrar que eu não me importo e que eu estou bem melhor sem você, a verdade é que eu ainda te amo e que eu seria muito mais feliz se você ainda tivesse do meu lado. E sim, isso ainda é amor. Porque amor não tem idade, nem época. O que é amor, sempre vai ser amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário