29/12/2012

Depois do nosso fim.

Dia desses eu fiquei presa no trânsito e para melhorar o meu humor de quem estava super atrasada e ia receber um carão do chefe, liguei o rádio. A música era ruim, não consegui definir o estilo e talvez nem o próprio cantor tenha se definido, falava sobre o amor e como ele muda as nossas vidas e então eu lembrei de você. O amor não é esse monstro que é dito por ai nos blogs de amor ou nas mesas de bar. NÃO! Definitivamente o amor não é ruim, não é só sofrimento, é muito mais que isso. O amor tem significados diferentes para cada pessoa. Para mim, por exemplo, o amor é você. O seu sorriso, o seu abraço e a falta que sinto quando você está longe. E por mais ridículo que pareça, nós não estamos mais juntos. E ainda assim o amor para mim é você. E não, não é dor de cotovelo, arrependimento ou qualquer outra coisa. Eu estou bem, de verdade, eu estou bem pra caramba sem você. É só que o amor adormece e cada pessoa que passa pelas nossas vidas de uma forma especial vira um novo significado para o amor. Eu não deixei de te amar e talvez nunca deixe, mas acabou. Foi amor enquanto permanecemos juntos, mas uma hora cada um segue o seu caminho. Quem sabe um dia a gente se encontra em uma das esquinas da vida?                                                         ~ Acabou, mas o amor ainda é você. - StruckforLove

- UGP

As vezes eu paro pra pensar, porque estamos fazendo tanto isso. Porque não podemos sorrir e sermos amigos? Porque relembrar de momentos que não deram certo? A gente pode se falar, rir, discutir, brincar, tantas coisas. Faço o que você quiser. Temos todo tempo do mundo, vamos deixar levar. E não ficar tentando acertar sempre quando as coisas não param de dar errados. Eu só queria estar com você; sorrindo, brigando. Tudo isso faz parte. Claro que tem vezes que o ciumes bate no peito, de não ser você abraçando do jeito que você quer… Queria. Também tem aquelas horas em que você quer contar algo, mas depois pensa e pensa e acha que não seria uma boa ideia, por vários motivos, e a maioria das vezes é pela falta do “nós”, mas pra que mudar? Se não podemos fazer o “nós”, vamos apenas deixar acontecer. A vida ir andando naturalmente; eu com você, e você comigo.                                       (a.d)

- UGP

(…) Então seremos felizes para sempre, sem clichês, sem poréns e sem brigas…somente seremos. - T.H < créditos.

28/12/2012

Me desculpa

Por todas as burradas, as palavras ditas em vão. Eu erro, e muito. Mas em momento algum eu desejei te ver mal. Eu acho lindo o seu sorriso, que aliás, é o mais bonito que eu já vi. Esse seu olhar que meche comigo. Esse teu jeito de cuidar de mim, de um jeito tão carinhoso. Me desculpa, eu não queria que nós estivéssemos tão afastados como hoje. Me desculpa, me desculpa por tudo. Me desculpa por não ser, aquela que você sempre sonhou. - UGP

27/12/2012

Chega cara, tá bom.

Deu no que tinha que dá, eu já fui boazinha demais. Agora cansei de ser a mesma garotinha encantável e amável que as pessoas achavam. Chega, cansei de fazer os outros felizes e no final da noite, perto de eu ir dormir começar a chorar por não receber nada em troca. Chega, cansa ser boazinha. Como as pessoas de hoje em dia dizem: "Uma pessoa que já foi fria demais, já foi doce demais." E agora chegou a minha hora, de mostrar quem é realmente o meu eu. - UGP

Eram perfeitos um para o outro.

Ele à amava, do mesmo modo que ela o amava. Era um amor que ninguém podia imaginar. Era um amor lindo. Era um amor, que era muito diferente e verdadeiro. Era um amor que atravessava os sete mares. Era um amor que nenhum dos dois sentiram antes. Contavam tudo um para o outro. Eram amigos, riam juntos, planejavam coisas juntos, ficava altas e altas horas da noite conversando ou trocando sms. Era um amor verdadeiro que ia durar o tal "pra sempre". Enfim, eram perfeitos um para o outro. Mas tinha uma coisa que os empatava de estarem juntos... a tal chamada: distância. - UGP

Ligação

Como eu tinha combinado que não ia mais te ligar pra encher com ciúme, tô te ligando pra falar que tô com ciúme, mas não vou te encher. - UGP